Alunos de Radiologia lançam site de esclarecimento sobre a mamografia

Alunos de Radiologia lançam site de esclarecimento sobre a mamografia

O projeto tem a parceria com uma clínica de Foz do Iguaçu, a Opus Dei

Através do projeto Integrador, alunos do curso de radiologia da Uniamérica, em Foz do Iguaçu, lançaram o site “E aí Doutor”, que é uma ferramenta que aproxima o médico radiologista dos os pacientes que têm dúvidas sobre a mamografia.

Os alunos contam com a parceria do médico radiologista, DR. Renato Maroja Filho, da clínica Opus Dei,  que voluntariamente responde todas as dúvidas de homens e mulheres sobre o exame de mamografia.

O exame acaba tendo uma fama não muito boa entre as mulheres, que temem a dor da compressão e ainda da radiação. Assim, os alunos, com o apoio do médico, querem levar esclarecimento aos pacientes, já que a mamografia é o principal exame para o diagnóstico do câncer de mama.

Segundo estimativa do INCA (Instituto Nacional do Câncer), o câncer de mama é o tipo de câncer mais comum entre as mulheres no Brasil e no Mundo, respondendo por cerca de 28% dos casos novos a cada ano. Diversos fatores estão relacionados ao aumento do risco de desenvolver a doença, tais como: idade, fatores endócrinos/história reprodutiva, fatores comportamentais/ambientais e fatores genéticos/hereditários.  O Instituto ainda alerta que o câncer de mama pode ser detectado em fases iniciais, em grande parte dos casos, aumentando assim as chances de tratamento e cura. É importante que as mulheres fiquem atentas a qualquer alteração da mama. O importante é sempre ir ao médico e fazer os exames pelo menos um vez ao ano.

​O último levantamento feito pelo INCA foi que 14.388 pessoas morreram decorrente do câncer de mama no Brasil, sendo 181 homens e 14.206 mulheres. Somente no ano passado, a estimativa do Instituto é que surgissem mais de 50 mil novos casos no Brasil.

Segundo informações da Secretaria Estadual de Saúde do Paraná, 906 mulheres morreram em decorrência do câncer de mama no Estado em 2015. Este número subiu para 996 em 2016, de acordo com dados preliminares. A Secretaria ainda informou que foram feitas 353.546 mamografias em todo o Paraná em 2016 (dados preliminares).

Quem tiver dúvidas pode mandar mensagens ou vídeos através do e-mail [email protected] ou preencher o campo de contato no site http://integraradiologia.wixsite.com/eaidoutor

Todas as perguntas serão colocadas no site com as respostas para que outras pessoas possam ser beneficiadas com as dúvidas sanadas. Quem quiser discrição, pode somente fornecer no e-mail o nome abreviado, a idade e o local em que mora.

 O site também apresenta outras informações, como a situação do câncer de mama no Brasil e Paraná. Depoimentos de mulheres que foram diagnosticadas com o câncer de mama e ainda um link direto com o INCA, sobre os direitos do paciente com câncer garantidos pela constituição brasileira.

 

Texto: Stela Marta - é jornalista por formação e acadêmica do Curso de Radiologia da Uniamérica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *