Uniamérica oferece vagas para curso de Engenharia Aeroespacial em 2018

Uniamérica oferece vagas para curso de Engenharia Aeroespacial em 2018

A Faculdade Uniamérica lançará em 2018 o curso superior de Engenharia Aeroespacial, a graduação irá estimular o desenvolvimento educacional e tecnológico da região da tríplice fronteira, inspirando os jovens às novas oportunidades de mercado e tecnologia na área.
A Uniamérica é a primeira instituição de ensino superior do Estado e a primeira Faculdade privada do País a oferecer graduação no curso em aeroespacial, atuando com metodologias de aprendizagem semelhantes às utilizadas nas melhores Universidades do mundo, que têm como base a metodologia 100% ativa e as disciplinas baseadas em competências. Serão ofertadas 60 vagas em período integral, com mensalidade bruta de R$ 1.736,84 e para pagamento pontual será de R$ 1.650,00. O processo seletivo será exclusivamente pela nota do ENEM, que poderá ser protocolada entre os dias 22 de janeiro a 09 de fevereiro de 2018, com resultado publicado em 19 de fevereiro de 2018 e previsão de início das aulas no dia 05 de março de 2018. Não haverá processo seletivo no meio do ano para este curso.
No Brasil, estão surgindo novas oportunidades nas atividades específicas dessa área, um exemplo disso é grande procura por candidatos interessados no vestibular ofertado pelo ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica), situado na cidade de São José dos Campos, em São Paulo, que acontece nos dias 12,13,14 e 15 de dezembro, em várias capitais brasileiras.  Além do ITA, a UFABC, a UnB e a UFMG oferecem curso específico de Engenharia Aeroespacial. Na região sul também tem a opção na Universidade federal de Santa Catarina (UFSC) e da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM).
Segundo o maior portal de profissões, Guia do Estudante da Editora Abril, cada vez mais aumenta o leque de oportunidades ligadas a manutenção de aeroportos e aeronaves, ou seja, aviões e helicópteros. Essas demandas surgem devido a grandes eventos esportivos como Olimpíadas e Copa do Mundo, que necessitam de reforma ou construção de novos aeroportos, implantação de sistemas eficientes de controle de tráfego aéreo e otimização de frotas. A formação exige um alto nível de conhecimento e isso a Uniamérica oferece através de disciplinas de Cálculo, Física Mecânica, Termodinâmica, Eletrônica, Geometria Analítica, Química Aplicada, entre outras, incorporadas às atividades práticas em sala de aula. Construir drones, foguetes e protótipos faz parte do dia a dia dos Estudantes de Engenharia Aeroespacial da Uniamérica. Na metodologia ativa de aprendizagem favorecendo o trabalho em grupo, além da integração com a prática laboratorial e projetos sustentados em problemas reais.
O engenheiro aeroespacial é responsável por usar a tecnologia para desenvolver projetos e soluções que nos permitam navegar pela atmosfera e pelo espaço exterior, explorando suas potencialidades para diversos fins, sempre buscando o benefício da sociedade.

Confira mais informações no site: http://uniamerica.br/hotsites/2017/engenharia-aeroespacial/

Sobre a Uniamérica: A Faculdade Uniamérica adota o método de aprendizagem ativa, pelo qual o aluno é protagonista de seu desenvolvimento acadêmico, profissional e pessoal. Desse modo, desde o primeiro semestre os estudantes participam de projetos integradores, desenvolvendo ações concretas que contribuem para o desenvolvimento da região. A instituição oferece cursos de graduação, pós-graduação, cursos independentes de extensão para acadêmicos e profissionais já formados, além de escolas de iniciação científica e cursos de idiomas.